A pandemia e a desigualdade no Brasil: O que a educação tem a ver com isso?

Autores

  • Michele Morgane de Melo Mattos Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil
  • Cristiane Suzart Cop Guimarães Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil
  • Priscila Basílio Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.34630/sensose.v8i1.3809

Palavras-chave:

Pandemia, COVID-19, Coronavírus, Desigualdade, Educação

Resumo

As desigualdades de diversas ordens no Brasil trazem consequências para a educação. No atual contexto pandêmico, elas se agravam e ficam mais evidentes. Nesse sentido, este texto tece reflexões sobre as desigualdades educacionais movidas pelos interesses neoliberais que atravessam a escola, principalmente, no atual cenário. Assim, cabe a esta instituição propor um ensino para a vida, na contramão do capital, em que educadores e educandos possam refletir sobre este momento inédito na intenção de pensar novos modos de relação do ser humano com o planeta, consigo mesmo e com o outro.

 

Downloads

Publicado

2021-05:-16

Como Citar

Mattos, M. M. de M. ., Guimarães, C. S. C. . ., & Basílio, P. . (2021). A pandemia e a desigualdade no Brasil: O que a educação tem a ver com isso?. Sensos-E, 8(1), 12–21. https://doi.org/10.34630/sensose.v8i1.3809