Entendendo o Fact-Checking Como Uma Ferramenta Para Promoção de Literacia Mediática no Contexto Luso Brasileiro

Autores

  • Flávia Lopes Sales do Nascimento Professora na área de Ciências Humanas

DOI:

https://doi.org/10.34630/erei.v3i9.4220

Palavras-chave:

Agências de checagem, Fact-Checking, Literacia, Literacia Mediática, Jornalismo

Resumo

A avalanche de informações falaciosas, comumente chamadas de fake news fez nascer também diversas estratégias de combate às problemáticas surgidas no contexto dos medias digitais. O fact-checking, por exemplo, pode ser uma valiosa ferramenta de promoção de literacia mediática se utilizada em contextos educacionais. O objetivo desse estudo é compreender quais estratégias já estão sendo empregadas na promoção da literacia mediática e no combate à desinformação e propor uma atuação mais ativa e democrática por parte das agências de checagem ou fact-checking (termo em inglês e que utilizaremos na construção desse artigo) no contexto luso brasileiro. Metodologia: Realizou-se uma revisão bibliográfica em artigos selecionados a partir da pesquisa das palavras-chave “fact-checking” “media literacy” e “literacia mediática” em três bases de dados (Google Acadêmico; Communication Abstracts; Library & Information Science Source). Resultados: percebeu-se que já existem ações no sentido de promoção da literacia mediática com uso de checagem, só que muito mais no contexto norte-americano. No entanto, dos artigos encontrados, em português, não existiam nenhum que tratasse do tema específico do fack-checking como ferramenta de promoção de literacia mediática. Um dado importante é a grande quantidade de publicações em inglês frente à insuficiente produção em português, o que nos leva a uma quase ausência de pesquisas acadêmicas em relação à promoção da literacia mediática por meio das agências de checagem, apesar de existirem atuações eficazes em países lusófonos, como Brasil e Portugal.

 

Biografia Autor

Flávia Lopes Sales do Nascimento, Professora na área de Ciências Humanas

Jornalista, escritora e professora na área de Ciências Humanas. Doutoranda em Informação e Comunicação em Plataformas Digitais pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto (Portugal). Mestre em Comunicação, pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), na linha de pesquisa Mídia, Cotidiano e Imaginário, com graduação em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, pela UFPB. Pesquisadora do Grupo de Pesquisa em Cotidiano e Jornalismo (Grupecj) e Grupo de Pesquisa em Antropologia do Imaginário (Gepai), ambos da UFPB.

Downloads

Publicado

2021-07:-22

Como Citar

Nascimento, F. L. S. do . (2021). Entendendo o Fact-Checking Como Uma Ferramenta Para Promoção de Literacia Mediática no Contexto Luso Brasileiro . E- Revista De Estudos Interculturais, (9, Vol. 3). https://doi.org/10.34630/erei.v3i9.4220

Edição

Secção

Estudos Interculturais no Contexto Contemporâneo