Proteção das Pessoas nos Esquemas de Ligação à Terra "TN" e "IT"

  • José António Beleza de Carvalho Instituto Superior de Engenharia do Porto

Abstract

O correto dimensionamento dos dispositivos de proteção das pessoas contra contactos indiretos em instalações elétricas de Baixa Tensão (BT), é uma das condições fundamentais para que uma instalação possa ser utilizada e explorada com conforto e em perfeitas condições de segurança.
De acordo com a normalização em vigor, é, também, uma das condições essenciais para a certificação ou licenciamento das instalações elétricas por parte das entidades ou organismos responsáveis, a quem estão atribuídas estas competências.
A função dos dispositivos de proteção das pessoas contra os contactos indiretos será o corte automático da alimentação da instalação elétrica, que em caso de defeito, e em consequência do valor e da duração da tensão de contacto, evitará o risco de se produzirem efeitos fisiopatológicos perigosos nas pessoas.
As medidas de proteção adotadas obrigam à coordenação entre os Esquemas de Ligação à Terra (ELT)) adotados, as características dos condutores de proteção e os respetivos dispositivos de proteção.
Neste artigo são apresentados alguns exemplos de cálculo dos dispositivos de proteção das pessoas contra contactos indiretos, de acordo com o ELT adotado para a instalação elétrica.

Author Biography

José António Beleza de Carvalho, Instituto Superior de Engenharia do Porto

Nasceu no Porto em 1959. Obteve o grau de B.Sc em engenharia eletrotécnica no Instituto Superior de Engenharia do Porto, em 1986, e o grau de M.Sc e Ph.D. em engenharia eletrotécnica na especialidade de sistemas de energia na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, em 1993 e 1999, respetivamente. Atualmente, é Professor Coordenador no Departamento de Engenharia Eletrotécnica do Instituto Superior de Engenharia do Porto, desempenhando as funções de Diretor do Departamento.

Published
2016-06:-12