As motivações para a emergência de fenómenos de crowd translation

  • Célia Tavares CEOS.PP – Centro de Estudos Organizacionais e Sociais do P.Porto
Palavras-chave: tradução, tradução colaborativa, tradução em massa, modelos de tradução, motivações

Resumo

Este artigo pretende refletir sobre um processo de socialização que a tradução está a viver e que se pode caracterizar por um grande número de indivíduos, completamente diferentes, voluntários e possivelmente sem competências formais em Línguas, que se encontram a realizar atividades de tradução. Estes indivíduos estão, assim, a ter um papel preponderante na atividade de tradução, nomeadamente para ambientes web, permitindo a emergência de um novo modelo de tradução em massa denominado por crowd translation. Este modelo de tradução surge num contexto em que os fenómenos de massas estão a ter impacto em diversas áreas da sociedade, influenciando também a tradução. Desta forma, e para melhor entender a crowd translation, este artigo irá abordar os efeitos do coletivismo que podem ser observados, por exemplo, nas comunidades de prática virtuais e crowdsourcing, tendo também em linha de conta que a sabedoria das multidões influencia, de forma surpreendente, o desenvolvimento desses fenómenos. Assim, serão discutidas as motivações que levam à proliferação da crowd translation essencialmente nas redes sociais, uma vez que estas são um dos principais potenciadores deste modelo, permitindo que indivíduos sem competências linguísticas realizem atividades neste âmbito.

Publicado
2017-11:-01
Como Citar
Tavares, C. (2017). As motivações para a emergência de fenómenos de crowd translation. POLISSEMA: Revista De Letras Do ISCAP, (17), 33-50. Obtido de http://parc.ipp.pt/index.php/Polissema/article/view/2732
Secção
Artigos